Governo do Estado do Rio de Janeiro

Notícia

LEI SECA SERVE DE MODELO PARA 20 ESTADOS BRASILEIROS

Há quase oito anos funcionando no Rio de Janeiro, a Operação Lei Seca é referência para 20 estados do Brasil. A operação é destaque por reduzir drasticamente as mortes no trânsito, contribuir no combate à impunidade aos crimes, além de promover a conscientização da sociedade para ampliar a segurança no trânsito e proteger vidas. Desde a sua criação, em março de 2009, a Operação Lei Seca já abordou 2.366.863 de motoristas: 454.643 foram multados, 88.624 veículos foram rebocados e 155.537 motoristas tiveram a CNH recolhida. O coordenador da Operação Lei Seca, tenente-coronel Marco Andrade, destacou os resultados da ação em entrevista ao D.O Notícias.

D.O Notícias – A Lei Seca completa oito anos em breve. Qual é o balanço deste trabalho?

Marco Andrade – O balanço é muito positivo. A Lei Seca interage no cotidiano das pessoas e isso fez com que o cidadão fluminense mudasse seus hábitos com relação a beber e dirigir.

D.O Notícias – Qual é o impacto da Operação Lei Seca no comportamento dos motoristas? Como os números comprovam essa transformação?

Andrade – Quando começamos a Lei Seca, 20% dos motoristas fiscalizados eram flagrados dirigindo sobre efeito de álcool. Hoje, a média é de 6,9%.

D.O Notícias – As ações educativas contam com o depoimento de cadeirantes vítimas do trânsito para conscientizar as pessoas. Esta presença reduziu o número de acidentes? Como pode impactar na vida dos motoristas e pedestres?

Andrade – Nossos agentes de educação são exemplos vivos do perigo que alertamos às pessoas, isso ajuda a sensibilizar de forma muito impactante.


D.O Notícias – Por que a Lei Seca é considerada referência para outros estados do Brasil?

Andrade – O Rio de Janeiro é protagonista neste tipo de política pública no país. Iniciamos as nossas ações em 2009 e nossos resultados e perenidade chamaram a atenção de outros 20 estados e duas comitivas internacionais.


D.O Notícias – Qual é a importância da Operação Verão, que foi iniciada há pouco mais de uma semana?

Andrade – Buscamos provocar uma mudança de comportamento nos cidadãos também durante o dia na saída das áreas de lazer: praias, cachoeiras e parques, durante o verão.


D.O Notícias – As ações para o Carnaval vão ser intensificadas?

Andrade – A Operação Verão se estende inclusive no período de Carnaval. Durante o Carnaval, trabalharemos com todo o nosso efetivo nas ruas entre sexta-feira e terça-feira, intensificando a fiscalização e, principalmente, levando para o público as ações educativas.

Compartilhe Facebook Twitter
Siga a lei seca
nas redes sociais
Facebook Twitter YouTube Instagram